segunda-feira, 26 de maio de 2008

Dados de pesquisa: gastos de campanha, esquerda e direita

Recentemente o NUSP - Núcleo de pesquisa do qual o grupo que mantém esse blog faz parte - construi um grande banco de dados a partir de informações do TSE. Esse banco possui dados de todos os candidatos a deputado federal, estadual, senador, governador e presidente da República no último pleito (o banco completo pose ser acessado em www.nadd.prp.usp.br/cis).

Em minhas pesquisas e andanças pelos partidos paranaenses cruzei alguns dados interessantes. Aliei os dados deste banco aos dados dos gastos de campanha dos candidatos a deputados no PR (a fonte deste dados foi o TSE e o site Às Claras).

A conclusão que cheguei foi muito simples: como diria Duverger, o mais importante dos atributos do político é dinheiro. Dos candidatos a deputado federal e estadual pelo PFL, 100% dos eleitos teve altíssimo gasto de campanha, acima de 250.000,00 reais. Os que não foram eleitos tiveram gasto médio em suas campanhas. No outro extremo ideológico (ou nem tão extremo assim) o PT apresentou entre seus eleitos gastos de campanha alto (de 151.000,00 até 200.000,00 reais) e médio (de 101.000,00 até 150.000,00) reais. Os derrotados pelo Partido dos Trabalhadores possuiam gastos de camapnha entre somente entre os estratos médio e baixo. Vale ainda dizer, que, no caso do PT a maioria dos eleitos está entre os que gastaram dinheiro alto.

A ideologia partidária importa no momento em que os políticos sedimentam suas carreiras até a eleição. Nas campanhas políticas, gasta mais quem pode mais. Quem gasta menos, perde mais.

2 comentários:

Daniel disse...

É uma pen que o Zé Real seja o cabo eleitora mais decisivo na eleição de um candidato. Ideologia, compromisso, ética e moral que é bom, necas. Olha, parabéns pela iniciativa de montar um blog sobre política. Um abraço.

http://so-pensando.blogspot.com

Bruno Bolognesi disse...

Daniel, não que as outras coisas não sejam importantes, como a ideologia em determinados partidos ou o compromisso em outros. Mas sem o $$ essas coisas não valem de nada.
Obrigado pelo comentário e venha sempre visitar o blog.

Aliás, estive no Só Pensando, excelente.

Abraços